Associação Internacional de Criadores do Cavalo Ibérico de Tipo Primitivo - Sorraia

Padrão

Ver Tabela de Classificação

O padrão que aqui se apresenta encontra-se descrito no Stud Book da Raça Sorraia.

 

1. TIPO - Perfil subconvexilineo, eumétrico e mediolíeno. Animais sobre o pernalta, de ossatura pouco volumosa mas de muito boa textura. Musculatura pobre. Quando magros tomam a forma mulina e quando gordos arredondam.

 

2. ALTURA MÉDIA AO GARROTE - Medida com hipómetro nos animais adultos:

 

 

Esbelto, garanhão da coudelaria do Dr. Schäfer, Alemanha
Machos: 1,48m

Fêmeas: 1,44m

 

 

3. PELAGEM - Varia do baio (pardo amarelo) claro ao baio torrado, ou do rato (pardo rato) claro ao rato escuro, sempre com lista de mulo. É mais ou menos gateado ou zebrado nos cabos e por vezes noutras partes do corpo. Crinas fartas e bicolores, com cerdas escuras na linha do meio e das cor do corpo na parte mais externa. Cauda igualmente bicolor, formando uma borla na sua base. Extremidades (ponta dos orelhas, focinho, e membros) sempre em tom escuro.

 

 

 

 

 

 

Grupo de garanhões na Herdade de Font'Alva, evidenciando os dois tipos de pelagem
Égua afilhada, Herdade de Font'Alva

 

 

4. TEMPERAMENTO - Arisco no desbaste, torna-se manso e tolerante no trabalho. Reage com agilidade e finura às ajudas do cavaleiro. É por vezes reparador. O macho inteiro, se bem que manso, tem muita vivacidade.

 

5. ANDAMENTOS - São correctos, não muito extensos nem saltados. São arredondados mas não muito elevados. Podem manter velocidades notáveis por um longo período.

 

 

 

 

 

6. APTIDÃO - Sela e pequenos trabalhos agrícolas.

 

Garanhão, herdade de Font'Alva
7. CABEÇA - Rectangular e seca, de perfil subconvexo, crânio nitidamente inclinado em relação à face, que é bastante comprida. Os olhos expressivos, inseridos em órbita elíptica truncada posteriormente e situada acima da linha occipito-incisiva. As orelhas são sobre o comprido, secas e móveis, de implantação algo atrasada devido à inclinação do crânio.

 

 

 

 

 

 

 

 

Pormenor da cabeça (fêmeas) , Herdade de Font'Alva
Grupo de garanhões, Herdade de Font'Alva
8. PESCOÇO - Bem inserido, esbelto, de comprimento médio, invertido nos animais magros, armazena gordura para a época da fome, fazendo com que se transforme e apareça rodado no animal gordo.

 

 

9. GARROTE - Bem destacado e muito extenso, liga-se quase a meio do dorso por uma linha suave.

 

 

11. COSTADO - É extenso e composto de costelas chatas e compridas que guarnecem bem o flanco.

10. PEITORAL - Não muito largo mas musculoso. O cilhadouro está bem situado sob o seladouro. O tórax é profundo e não muito largo.

12. ESPÁDUAS - De comprimento médio, são secas e relativamente oblíquas.

 

13. DORSO - É curto, horizontal e destacado das costelas.

 

 

 

 

 

 

 

15. GARUPA - De largura e comprimento médio e de forma elíptica, deixando ver a crista sagrada saliente com perfil subconvexo.

14. RIM - É curto, largo e convexo e encontra harmoniosamente, sem ressalto, a garupa.

16. MEMBROS ANTERIORES - Ligeiros de osso, mas bem aprumados.

Braços harmoniosamente inclinados.

Antebraços bem aprumados e pouco musculosos.

Joelhos bem conformados, secos e pouco volumosos.

Canelas ligeiramente compridas, secas, com tendões bem destacados com ausência de pelo remontante.

Boletos pouco volumosos, quase sem machinhos

Quartelas sobre o comprido e harmoniosamente inclinados.

Cascos bem conformados e aprumados, de aspecto ligeiro e taipa de boa qualidade.

 

 

 

17. MEMBROS POSTERIORES - Ligeiros de osso e musculatura, mas bem conformados.

Curvilhões bem conformados.

Canelas, boletos, quartelas e cascos como dos membros anteriores.







 

 

 

 

Zebruras dos membros, Herdade de Font'Alva

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Home
Técnica
Notícias

 

Publicações

 

 

 

 

 

 

 

 

Ficha